Arquitetura Corporativa preparada para mudanças e para as novas gerações


Em um mundo tão competitivo e que está em constante evolução, quebrar paradigmas nunca foi tão importante. Estar atento às tendências do mercado global e local, buscando adaptar-se sem perder a originalidade se tornou um dos grandes e latentes desafios das empresas atuais. Elas devem estar preparadas para ousar e para oferecer diferenciais que se atualizem de acordo com as necessidades das novas gerações.

O ambiente corporativo não está isento dessas exigências, pelo contrário, ele é um dos primeiros locais onde as mudanças devem se refletir. Uma das questões fundamentais são as novas tecnologias que, de modo geral, primam pelo conforto e mobilidade. A estrutura, os equipamentos e o mobiliário devem estar adaptados a elas, oferecendo condições favoráveis para que as novas gerações de colaboradores Y, X e Z se desenvolvam de modo produtivo nas estações de trabalho.

Web 2.0, wireless e aparelhos portáteis são alguns dos conceitos e recursos que devem ser disponibilizados com eficiência. Mas se engana quem acha que só isso basta. A parte tecnológica é sim um fator de suma importância, mas não é tudo. Essas gerações que já estão inseridas fortemente no mercado exigem espaços mais dinâmicos, nos quais possam interagir com os colegas, compartilhar informações com liberdade e agilidade, desenvolver processos criativos ao longo do dia, tudo sem abrir mão da conectividade e do conforto.

Nesse sentido as mesas individuais e os espaços fechados vêm perdendo preferência, respectivamente, para alocações compartilhadas e padrões de layout mais abertos, como os modelos panorâmicos e os open space. Com eles as companhias ganham maior flexibilidade para mudanças, economia e facilidade para implementar inovações.

Já o mobiliário da empresa contemporânea deve ser ergonômico, prático e planejado para possibilitar novas composições, além de ser totalmente preparado para receber os equipamentos e recursos tecnológicos.

Uma das fortes características das novas gerações é a impaciência diante de algumas situações que consideram simples e fáceis de serem resolvidas. Elas gostam de novos desafios e valorizam a agilidade na realização de mudanças, priorizando sempre a funcionalidade acompanhada de um bom design. O que é importante observar é que esses são traços característicos não apenas dos novos colaboradores, mas, principalmente, dos novos consumidores.

Se sua empresa não está preparada para acolhê-los, então ela não está preparada para o mercado!

Entre em contato agora mesmo com a DABUS ARQUITETURA e saiba como podemos desenvolver o seu projeto de Arquitetura Corporativa com foco na adequação e na otimização do espaço de trabalho.