Empresa flexível: Como deve ser seu ambiente de trabalho? | DABUS ARQUITETURA

Blog DABUS ARQUITETURA

Empresa flexível: Como deve ser seu ambiente de trabalho?

Aquele antigo modelo de empresas que exigem profissionais “batendo o ponto”, almoçando sempre no mesmo horário e seguindo à risca outras regras rígidas, está a cada dia mais sendo deixado de lado. Hoje a principal aposta está na flexibilidade para sobreviver e ganhar competitividade no mercado. Assim, o conceito de empresa flexível ganha espaço entre diferentes setores e negócios.

O perfil da empresa flexível

Empresa flexível

Imagem meramente ilustrativa.

A empresa flexível é aquela que não (mais) prioriza a hierarquia organizacional e a produtividade acima de qualquer coisa. Ela acolhe seus colaboradores e os fazem se sentir parte da companhia. Contrata pessoas altamente capacitadas e, a partir daí, acredita em seu comprometimento. Por isso, não se torna um vigia implacável de suas atividades. O que importa são os resultados e não a forma como cada uma acha melhor trabalhar.

Para esse negócio, a retenção de talentos é crucial no presente cenário do mercado. Dessa forma, a preocupação com o conforto e satisfação pessoal deles passa a fazer parte da cultura do local.

E não é só isso, pois com a possibilidade de se trabalhar muitas horas na empresa, faz-se indispensável a oferta de um ambiente agradável, que proporcione não apenas condições técnicas para o desenvolvimento das tarefas, como também momentos de relaxamento.

Hoje queremos falar especialmente sobre isso, dando dicas para você que é ou quer se tornar uma empresa flexível. Acompanhe…

1. Invista no open space

Sem “barreiras” (paredes e salas individualizadas), o open space proporciona um escritório com maior contato entre os funcionários. Esse modelo de layout permite que o fluxo de informações torne-se mais dinâmico. Ter essa agilidade atualmente é muito importante, sobretudo quando o time tem liberdade para colaborar com novas ideias e soluções.

A otimização do espaço é outra vantagem, que permite economizar recursos sem prejuízo às acomodações.

2. Tenha um mobiliário modular

Sinônimo de praticidade e organização, o mobiliário modular permite que as peças se adaptem facilmente a novos layouts e também sejam movidas a qualquer momento. São leves e contam com formatos modernos e versáteis.

Surgiu uma nova demanda? A equipe tem outras necessidades? Esse móveis conseguem acompanhar as mudanças evitando maiores investimentos no espaço.

3. Esteja bem equipado

Conte com os equipamentos certos, como bons computadores e uma internet rápida. Esses instrumentos podem parecer básicos, mas acredite, sem eles o trabalho pode ser totalmente comprometido.

Uma empresa flexível deve ter a tecnologia como sua melhor amiga, principalmente porque muitos colaboradores podem atuar de forma remota.

4. Crie espaços de descompressão

Estamos falando aqui de ambientes destinados para o relaxamento e interação da equipe. Em meio à rotina agitada, as salas de descompressão permitem resgatar as forças e o bom humor para seguir em frente. Além disso, ali o pessoal passa a se alinhar melhor, criando afinidades e novas convivências.

Já pensou em ter uma empresa flexível? Analise seu perfil, seus funcionários e objetivos.

Entre em contato e saiba como a DABUS ARQUITETURA pode desenvolver um projeto de Arquitetura Corporativa em total sintonia com a cultura do seu negócio!

Referências: UOL Economia, Dicionário de Economia, Blog da Liderança, Administradores, Work Solution, RS Design e Homify.

Compartilhe este post



Comentários (0)

Deixe o seu comentário!




Áreas de Atuação