6 tendências de cores para 2020: Como usá-las no escritório?


Tendências de cores para 2020
Projeto DABUS ARQUITETURA.

As tendências de cores 2020 trazem o azul e o verde como grandes destaques a acompanhar. Isso porque eles são capazes de remeter ora à natureza, ora à tecnologia, temas latentes nas sociedades, que se veem frente aos avanços das máquinas e inteligências artificiais, assim como ampliam sua consciência sobre os cuidados com o meio ambiente.

Contudo, é importante observar as tonalidades específicas que foram apontadas pelas autoridades no assunto. Assim é possível explorar um aspecto diferenciado no seu ambiente trabalho. Sempre de acordo com a finalidade buscada para cada espaço e equipe.

Além do azul e do verde, outras cores surgem, variando a cartela de possibilidades em evidência na Arquitetura. Quer saber quais são e como explorá-las na sua empresa? 

Então, siga em frente com a gente!

Mais alegria e ousadia

O minimalismo e a leveza nos mais diferentes tipos de espaços, inclusive corporativos, começaram a ganhar força a partir da década de 90, quando as cidades se tornaram cada vez mais verticais e com imóveis reduzidos. As tonalidades claras e neutras serviram (e servem) como uma ótima estratégia para proporcionar uma sensação de amplitude diante dos comedidos metros quadrados disponíveis.

Bem, nada disso deixa de ser realidade. Porém, as tendências de cores 2020 avançam esses limites ao propor a exploração de uma gama maior de opções. Com elas será possível criar composições mais surpreendentes, personalizadas e menos impessoais. Ou seja, é uma boa brecha para se trabalhar o conceito resimercial na sua empresa! 

As apostas de cores para 2020

A seguir relacionamos as tonalidades apontadas por duas grandes autoridades: a Pantone e a WGSN, especialista em tendências de consumo e design.

1. Classic Blue

De acordo com Laurie Pressman, vice-presidente do Pantone Color Institute:

“O Pantone 19-4052 Classic Blue, expressa confiança, fé e constância, além de oferecer proteção – qualidades  que nos fornecem a presença tranquilizadora e sentimentos de calma e confiança que almejamos quando cruzamos o limiar para esta nova era”.

No escritório, a tonalidade pode ser usada em locais que exigem concentração, em estofados e até em locais que visam proporcionar relaxamento.

2. Neo Mint

O Neo Mint é um verde mais enérgico, otimista e tecnológico. Entretanto, móveis com essa cor podem ganhar um aspecto mais retrô. Ela também remete à natureza, vale lembrar. Por isso, pode ser aplicada em áreas de descompressão (que ajudam a desestressar), paredes e elementos específicos (como almofadas e adornos) e espaços fechados (que possuem pouco ou nenhum contato com o exterior).

3. Purist Blue

Embora seja um azul mais “simpático”, o Purist Blue ainda mantém a característica fria da cor. Ela será muito bem-vinda entre os colaboradores que atuam mais de perto com tecnologia, ou que simplesmente gostam dela. Porém, nada de exageros. Caso contrário, o ambiente pode se tornar muito impessoal e pouco motivador/enérgico.

4. Cassis

Por ter uma presença mais marcante, o Cassis pede bom senso ao ser destinado às paredes. Portanto, é interessante usá-lo em apenas algumas delas. Além disso, essa é uma cor que deve ter alguma relação com a identidade visual da sua marca. Ou, no mínimo, com a cultura corporativa que se deseja construir.  

5. Cantaloupe

Aqui nos deparamos com um laranja jovial, de característica mais feminina. Ele é uma excelente opção para criar uma atmosfera leve e descontraída. Portanto, pode ajudar a estimular a criatividade da equipe. Almofadas, poltronas, carpetes, cortinas e adornos são elementos a serem explorados. Ah, lembre-se de coordenar tudo com a identidade do negócio, como já mencionado!

6. Mellow Yellow

Salas fechadas podem ganhar um pouco de “luz” com esse tipo de amarelo mais queimado. Ele também vale para motivar o time e despertar novas ideias. Com forte presença, o Mellow Yellow pode ser aplicado para provocar impacto – na parede de destaque da recepção, por exemplo.

Muito mais que “tendência”, o seu projeto de Arquitetura Corporativa deve ser coerente com as necessidades da sua empresa, sua cultura e seus objetivos. 

Entre em contato conosco e saiba como podemos desenvolver uma proposta atual, envolvente e funcional para o seu caso!

Referências: Casa Vogue, Faz Fácil.